Tags

Tive meu primeiro contato com a obra de Pauline Reage, através da grafic novel de Guido Crepax. Depois fui descobrindo várias coisas interessantes sobre essa escritora francesa. Por muitos anos ninguém sabia quem ela era, pois esse é um pseudônimo de Anne Desclos. Sabendo que seu amante Jean Paulhan gostava de ler as histórias de Marques de Sade, ela resolveu presenteá-lo com uma história e escreveu “História de O”. Ele gostou tanto do romance que resolveu edita-lo e escreveu o prefácio. Ele nunca revelou a verdadeira identidade de Pauline, e nem a própria Anne o fez. Somente em 1994 um jornalista descobriu e foi feito um documentário sobre.

Anne – Pauline escreveu um dos romances mais polêmicos do Século XX.

Não me recordo quando foi a primeira vez que me deparei com esse romance ou com o quadrinho de Guido, mas sei que quando comecei a me interessar pela prática BDSM, a História de O foi a que mais me chamou atenção, me fascinou e ao mesmo tempo me fez ficar com medo. Queria entender, e me perguntava se uma mulher conseguiria se sujeitar de tal forma. Tinha medo de me tornar uma “O”, mas ao mesmo tempo queria ser… Queria experimentar. Agora, a questão era: para quem? Quem seria tão digno de confiança que eu poderia me entregar a tal ponto… Pode ser que tenha encontrado essa pessoa, pois ele (meu Dono e Mestre) me faz sentir realmente uma escrava, submissa e cadela.

Quero ser sua “O”

 HistoriadeO_Crepax_pg1