Tags

“Sempre desprezei as coisas mornas, as coisas que não provocam ódio nem paixão, as coisas definidas como mais ou menos, um filme mais ou menos, um livro mais ou menos.
Tudo perda de tempo.
Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu asco, sua adoração ou seu desprezo.
O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia.”

Sei que não consegue entender minhas loucuras, sei que não consegue entender meus surtos. Mas é deles que eu sobrevivo. Não tenho surtos porque eu duvide integralmente de sua pessoa. Eu tenho medo, isso é um fato! A incerteza me dá medo. Não saber o que vem depois, o que vai acontecer e como vai. Estar a seu lado é uma incerteza constante, não existe águas calmas. Mas o que estou tentando explicar é que eu preciso ficar louca, eu preciso disso como necessito do oxigênio. Eu disse um dia desses que desejava ter uma vida normal, mas na verdade eu queria ser uma pessoa normal. Assim eu seria uma submissa normal, teria uma vida mais tranquila. Mas eu não sou normal SR, até mesmo para os padrões de loucura minha loucura assusta. Nem meus sentimentos são instáveis… Posso te amar e te odiar na mesma hora. Consegue entender? Nem eu! Mas a unica coisa que tenho certeza, é que seu carinho e compreensão, mesmo sendo pouco pode me ajudar a seguir em frente. 

tumblr_mse8r0UEUg1so41jqo1_500